O Sindicato Nacional dos Analistas-Tributários da Receita Federal do Brasil (Sindireceita) informa aos Analistas – Tributários Aposentados e Pensionistas que em 2020 houve uma mudança da Unidade Pagadora dos aposentados e pensionistas, que era feita pelo Ministério da Economia (ME) e agora é realizada pela Secretaria de Gestão e Desempenho de Pessoal (DECIP/SGP), assim, ocorreu também uma alteração nos comprovantes de rendimentos para a declaração do imposto de renda 2021.

Portanto, excepcionalmente neste ano, para entregar a declaração de imposto de renda do exercício 2021, os aposentados e pensionistas precisarão obter dois comprovantes de rendimentos de 2020: – o primeiro com o vínculo antigo, do Ministério da Fazenda, que engloba o período do início de 2020 até a data da mudança; e – o segundo com o vínculo novo, do DECIP/SGP, que engloba o período da data da mudança até o final de 2020.

O Sindireceita destaca ainda que a partir de 2022 só restará o vínculo com o DECIP/SGP. Veja a seguir o passo-a-passo de como obter os dois comprovantes. Lembre-se de incluir ambos os pagamentos em sua declaração anual de renda em 2021.

Veja aqui o passo-a-passo de como obter os dois comprovantes.