Analistas-Tributários da Receita Federal do Brasil (RFB) atuaram na apreensão de 103 quilos de cocaína no último sábado, dia 29, no Porto de Paranaguá, no litoral do Paraná. A droga estava escondida em quatro malas, no interior de um contêiner carregado com açúcar ensacado. A carga teria como destino final o Porto de Roterdã, na Holanda.

Os servidores encontraram as malas durante processo de reescaneamento da carga, antes do embarque no navio. Ao contrário da primeira inspeção, a segunda imagem produzida pelo escâner apontou que a droga havia sido colocada no contêiner.