O total de 339 quilos de cocaína foram apreendidos na última sexta-feira, dia 12, com a atuação de Analistas-Tributários da Receita Federal do Brasil (RFB) no Porto de Santos, no litoral de São Paulo. O carregamento tinha como destino final o Porto de Antuérpia, na Bélgica. A droga foi encaminhada à Polícia Federal, que também participou da ação e é responsável pela investigação do caso.

Durante a fiscalização, os servidores identificaram centenas de tabletes da droga no interior de 12 bolsas escondidas em meio à carga regular de polietileno em sacos. O contêiner com a carga estava em um terminal em Guarujá/SP.

A suspeita da RFB é de que traficantes tenham inserido os entorpecentes no carregamento regular, declarado e legal sem o conhecimento do responsável pelo contêiner. Na ocasião, os servidores também identificaram que o contêiner havia sido violado.