Analistas-Tributários da Receita Federal do Brasil (RFB) atuaram na apreensão de 364 quilos de cocaína na tarde desta terça-feira, dia 15, no Porto de Santos. A droga foi localizada no interior de um contêiner com carga regular de café verde, tipo arábica, a granel, que teria como destino o Porto de Antuérpia, na Bélgica. A ação contou com a participação das equipes condutoras de cães de faro (K9) da Alfândega de Santos e da Divisão de Repressão ao Contrabando e Descaminho (Direp) de São Paulo.

Os servidores selecionaram o contêiner a partir de critérios de análise de risco e abriram o carregamento após sinalização dos cães de faro, que detectaram a presença da droga. Em meio à carga foram encontrados diversos tabletes de uma substância branca. Após a realização de narcoteste ficou comprovado que a substância se tratava de cloridrato de cocaína.

A suspeita da RFB é de que a droga tenha sido inserida na carga regular por meio da técnica criminosa de rip-on/rip-off, na qual entorpecentes são inseridos em carga lícita sem o conhecimento dos exportadores e importadores. A droga foi encaminhada à Polícia Federal, que conduzirá as investigações sobre o caso.