Na primeira semana deste mês (1º a 8), Analistas-Tributários da Receita Federal do Brasil (RFB) atuaram na apreensão de mais de 60 quilos de drogas entre cocaína, maconha e skank. Os Analistas-Tributários também atuaram na retenção de mais R$ 300 mil em veículos e mercadorias, entre celulares, relógios, baterias, displays e notebooks que ingressaram no País sem comprovação de regularidade.

Uma das principais retenções ocorreu na última sexta-feira, 1º, no Aeroporto Internacional de Confins, Minas Gerais. Os produtos foram encontrados na bagagem de dois passageiros que vinham de Orlando (EUA) e foram avaliados em mais de R$ 250 mil.

A identificação das mercadorias foi realizada pelo trabalho de investigação do serviço da inteligência da 6ª Região Fiscal (Espei06), realizado durante a madrugada. Os servidores selecionaram dois passageiros para que suas bagagens fossem vistoriadas na Alfândega da Receita Federal em Belo Horizonte (MG).

Além dessas mercadorias, os Analistas-Tributários também atuaram na retenção de carros carregados com produtos irregulares. No dia 28 de fevereiro, retiveram um carro cheio de vestuário em ação realizada nas proximidades de Cachoeira do Sul/RS, na BR-290.

Já nesta última quarta-feira (6), durante fiscalização de rotina na Aduana da Ponte Internacional da Amizade, em Foz do Iguaçu/PR, foram retidos dois veículos com mercadorias em fundo falso. Num dos veículos haviam baterias, displays, LCDs de telefones celulares e relógios avaliadas em mais de R$ 7 mil. No outro veículo foram encontrados celulares e utensílios para pesca que custavam cerca de R$ 18 mil.

Apreensões de drogas

Os Analistas-Tributários da Receita Federal do Brasil (RFB) também atuaram na apreensão de 60 quilos de drogas nesta primeira semana do mês. No dia 28 de fevereiro, participaram da apreensão de 20,8 quilos de Skank no navio Amazon Star, próximo à cidade de Óbidos, no Pará. Ainda no dia 28, atuaram na apreensão de 24 quilos de cocaína em tanque de combustível de uma camioneta na região de Santa Rosa/RS.

No último domingo (3), os servidores atuaram na apreensão de dois quilos de cocaína, no Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu/PR. A droga estava em posse de uma mulher de 22 anos, que embarcaria em voo com conexão em Guarulhos/SP com destino final em Maceió/AL. Os Analistas-Tributários da Receita Federal do Brasil também atuaram na apreensão de 10 quilos de maconha do tipo skank, em Manaus/AM, nesta última quarta-feira (6). A droga estava sendo transportada em uma lancha vinda do município de Coari/AM e tinha como destino a capital amazonense. A apreensão da droga foi possível devido ao trabalho investigativo conduzido pela DRCO com apoio da RFB.