Analistas-Tributários da equipe de repressão ao contrabando da Receita Federal atuaram na apreensão de mais de 500 kg de substância análoga à maconha na tarde desta segunda-feira, dia 20, no Rio Grande do Sul/RS.

A ação ocorreu com as equipes de cães de faro de Santa Maria e da DRF de Novo Hamburgo. A droga estava escondida em um depósito de uma empresa de transportes, dentro de caixas de papelão, que indicavam conter fertilizantes.

A Receita Federal encaminhará a ocorrência e a droga apreendida à autoridade policial para as providências cabíveis. Estima-se que o valor da droga seja de R$ 500 mil.

Como atividade essencial à proteção da sociedade e do Estado, os Analistas-Tributários da Receita Federal do Brasil que atuam na Aduana mantêm a rotina de trabalho nos postos de fronteira terrestre, aeroportos e portos de todo o país.

Inclusive, os Analistas-Tributários reforçaram sua atuação para contribuir com a sociedade nesse momento, reafirmando o objetivo de garantir controle aduaneiro nas atividades de importação e exportação e, principalmente, assegurar a realização das atividades de fiscalização, vigilância e repressão, mesmo durante a pandemia de coronavírus.

Os Analistas-Tributários estão na linha de frente atuando na facilitação do comércio exterior, mas agindo também para garantir o combate ao contrabando, descaminho e tráfico internacional de drogas por todo o país.