Em operação de rotina, Analistas – Tributários da Receita Federal atuaram na retenção, nesta quarta-feira (05) de 1.143 óculos importados, alguns supostamente de marcas famosas como Carolina Herrera e Dior, no aeroporto internacional Tom Jobim, o Galeão, no Rio de Janeiro.

O material foi encontrado na bagagem de um passageiro em voo vindo de Guarulhos com destino final em Recife. Ao ser abordado, o homem declarou que não possuía nota fiscal nem a comprovação da regular importação das mercadorias, sujeitas, assim, à aplicação da pena de perdimento.

Há ainda a suspeita de que parte da mercadoria seja objeto de contrafação. Os representantes das marcas serão contatados para avaliação dos itens.

 

ATRFB em ação

Como atividade essencial à proteção da sociedade e do Estado, os Analistas-Tributários da Receita Federal do Brasil que atuam na Aduana mantêm a rotina de trabalho nos postos de fronteira terrestre, aeroportos e portos de todo o país.

Inclusive, os Analistas-Tributários reforçaram sua atuação para contribuir com a sociedade nesse momento, reafirmando o objetivo de garantir controle aduaneiro nas atividades de importação e exportação e, principalmente, assegurar a realização das atividades de fiscalização, vigilância e repressão, mesmo durante a pandemia de coronavírus.