Analistas-Tributários da Receita Federal do Brasil (RFB) atuaram na apreensão de mais de 687 comprimidos de cytotec na primeira quinzena de maio no Centro de Tratamento de Cartas e Encomendas (CTCE) dos Correios em Manaus. A ação foi realizada pelo Serviço de Vigilância e Repressão ao Combate ao Contrabando e Descaminho da Alfândega do Porto de Manaus (SEREP).

A fiscalização da Receita Federal desconfiou de algumas cartas e encomendas com origem ignorada e com a forma de escrita semelhantes, indicando que quem preencheu os endereços de destino poderia ser a mesma pessoa. Ao serem submetidas a procedimentos de escaneamento e verificação física, as suspeitas foram confirmadas. 87 encomendas foram apreendidas contendo comprimidos de cytotec.

Cytotec é um medicamento que tem na sua composição o misoprostol, substância utilizada como indutor de aborto. Não podem ser comercializados em farmácias e têm uso restrito em hospitais. Cada comprimido é vendido, no mercado ilegal, no valor de R$ 50 a R$ 300.

O medicamento estava envolto em papel alumínio entre dois CDs com o objetivo de impedir a identificação através do escâner, em outros pacotes estavam dentro de calculadoras e estojos de maquiagem, sendo também encontrados em embalagens plásticas. (Com informações da Assessoria de comunicação da Alfândega do Porto de Manaus)

ATRFB em ação

Imagem

Como atividade essencial à proteção da sociedade e do Estado, os Analistas-Tributários da Receita Federal do Brasil que atuam na Aduana mantêm a rotina de trabalho nos postos de fronteira terrestre, aeroportos e portos de todo o país.

Inclusive, os Analistas-Tributários reforçaram sua atuação para contribuir com a sociedade nesse momento, reafirmando o objetivo de garantir controle aduaneiro nas atividades de importação e exportação e, principalmente, assegurar a realização das atividades de fiscalização, vigilância e repressão, mesmo durante a pandemia de coronavírus.

Os Analistas-Tributários estão na linha de frente atuando na facilitação do comércio exterior, mas agindo também para garantir o combate ao contrabando, descaminho e tráfico internacional de drogas por todo o país.