Em 2020, Analistas-Tributários da Alfândega da Receita Federal de Uruguaiana (ALF/URA) atuaram em apreensões que somam R$ 1,5 milhão na fronteira do Brasil com a Argentina. No caso mais recente, os servidores da Receita Federal atuaram na retenção de R$ 390 mil em espécie nos dias 27 e 28 de dezembro em Paso de Los Libres.

No domingo, dia 27, foram retidos R$ 300 mil de um casal de argentinos oriundos de Buenos Aires e com destino a Santa Catarina. Os valores estavam em euros, dólares, pesos argentinos e reais.

Já nesta segunda-feira, dia 28, R$ 90 mil foram retidos de três argentinos que tinham como destino o Brasil. Parte dos valores estavam escondidos em mochilas, carteiras e em seus corpos.

Como atividade essencial à proteção da sociedade e do Estado, os Analistas-Tributários da Receita Federal do Brasil que atuam na Aduana mantêm a rotina de trabalho nos postos de fronteira terrestre, aeroportos e portos de todo o país.

Inclusive, os Analistas-Tributários reforçaram sua atuação para contribuir com a sociedade nesse momento, reafirmando o objetivo de garantir controle aduaneiro nas atividades de importação e exportação e, principalmente, assegurar a realização das atividades de fiscalização, vigilância e repressão, mesmo durante a pandemia de coronavírus.

Os Analistas-Tributários estão na linha de frente atuando na facilitação do comércio exterior, mas agindo também para garantir o combate ao contrabando, descaminho e tráfico internacional de drogas por todo o país.