Analistas – Tributários da Receita Federal do Brasil atuaram na apreensão de dois filhotes de Arara-Canindé, na fronteira entre Brasil e Uruguai, na BR – 471, em Santa Vitória do Palmar, no Rio Grande do Sul, na tarde de quarta-feira (6).

Com objetivo de apurar denúncia recebida, equipes da Receita Federal, juntamente com a Polícia Federal montaram barreira na BR-471. Dois veículos que vinham de Santa Catarina e estavam indo em direção ao Uruguai foram abordados, um com placas Florianópolis, que fazia a função de batedor, e o segundo, emplacado em Belo Horizonte, onde foram encontrados dois filhotes da espécie arara-canindé, em uma caixa de papelão, no porta-malas do automóvel.

Os dois homens que transportavam as araras-canindé, sem autorização do órgão ambiental, foram apresentados à Polícia Federal. Os filhotes resgatados foram encaminhados ao órgão ambiental para proteção. A Arara-Canindé é uma ave silvestre nativa do Brasil.