Analistas-Tributários da Receita Federal do Brasil atuaram na apreensão de 3 kg de cocaína no Aeroporto Internacional de Brasília. A ação ocorreu em conjunto com a Polícia Federal.

Com a análise de risco feita pelas equipes de Conferência de bagagens e de Vigilância Aduaneira e de Repressão, a agente canina Roxy identificou duas malas contendo a droga.

As malas eram de um nigeriano de 47 anos. O homem e a cocaína foram encaminhados para a Polícia Federal. A droga tinha como destino a cidade de Cotonou, no Benim. (Com informações da Receita Federal)