Analistas-Tributários da Receita Federal participam na noite de sábado (5/8) da apreensão de 450 mil maços de cigarros contrabandeados do Paraguai. A carga de cigarros contrabandeada, totalizando 900 caixas, está avaliada em cerca de R$ 2. 475 milhões. A abordagem foi feita na SC-418, que corta a cidade de São Bento do Sul, no Norte catarinense, durante uma operação conjunta entre a Receita Federal, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e a Polícia Militar, após uma denúncia anônima.

 

O motorista, de 52 anos, foi preso e encaminhado para a Polícia Federal de Joinville. O caminhão, com placas de Colombo/PR, foi levado para o depósito da Receita Federal em Florianópolis. De acordo com o Analista-Tributário e chefe de operações externas da Receita em Florianópolis, Pablo Medeiros, os cigarros oriundos do Paraguai não possuíam documentação fiscal.  O motorista afirmou aos agentes que o abordaram que pegou a carga em um posto de Maringá, no Paraná. A carga teria como destino a cidade de Jaraguá do Sul.