Analistas-Tributários da Receita Federal do Brasil (RFB) participaram da apreensão de dois veículos e um barco lotados de mercadorias contrabandeadas na noite desta segunda-feira (20). A apreensão ocorreu durante ações realizadas no âmbito da Operação Muralha em um Porto clandestino próximo a barreira de fiscalização instalada ao lado da praça de pedágio em São Miguel do Iguaçu/PR, em ação conjunta com policiais do BPFron.


Cerca das 20h, a equipe volante de servidores e policiais seguiram pelas estradas vicinais até um Porto clandestino no lago de Itaipu. Lá chegando, avistaram um grupo numeroso de pessoas que transbordava mercadorias clandestinas oriundas do Paraguai, presentes em uma embarcação ali atracada, para dois veículos já parcialmente carregados. Foi dada ordem de parada aos infratores que, em parte, fugiram desaparecendo em meio à vegetação. A outra parte do grupo entrou em um dos veículos que, em alta velocidade, tentou escapar da abordagem da equipe, porém perceberam que não poderiam ter sucesso na empreitada e abandonaram o automóvel fugindo em meio à mata.


Os veículos, um Ford/Escort e um Chevrolet/Vectra, ambos com placas de Foz do Iguaçu, assim como a embarcação e as mercadorias foram guinchados até a estrutura da Operação Muralha montada junto ao pedágio de São Miguel, para se efetuarem os registros necessário à lacração dos veículos e a estimativa de valor das mercadorias, as quais consistiam de óculos, eletrônicos e perfumes avaliados em mais de R$ 50 mil. Posteriormente tudo foi encaminhado para a sede da Receita em Foz de Iguaçu. Ninguém foi preso.