Analistas-Tributários da Receita Federal do Brasil (RFB) participaram da apreensão de grande quantidade de mercadorias em estabelecimentos na região da Vila Portes nesta terça-feira (12). A apreensão ocorreu durante ações realizadas no âmbito da Operação Fronteira Integrada em ação conjunta com policiais do BPFron.

A primeira fiscalização ocorreu durante a madrugada em um estacionamento que era utilizado como depósito clandestino de mercadorias contrabandeadas. Durante verificação no estabelecimento, foram encontrados grandes volumes de pneus, relógios, eletrônicos e cigarros. As mercadorias não possuíam nenhuma identificação de propriedade, sendo assim retidas e encaminhadas para a Delegacia da RF em Foz do Iguaçu para contagem e valoração. A apreensão foi realizada em nome do proprietário do estabelecimento. As mercadorias totalizaram R$ 276 mil.

Em seguida, próximo das 7hs, a equipe dirigiu-se a um motel com suspeita de possuir mercadorias contrabandeadas. No local, a equipe entrevistou o dono do estabelecimento que acabou confessando haver alguns quartos que possuíam mercadorias ocultas. Durante a verificação nos quartos, foi encontrada uma ampla variedade de brinquedos trazidos do Paraguai que foram apreendidos em nome do responsável pelo local. Os brinquedos totalizaram R$13 mil.

A Operação Fronteira Integrada está inserida no âmbito do Programa de Proteção Integrada de Fronteiras (PPIF), instituído pelo Decreto nº 8.903/2016, tem como diretrizes a atuação integrada e coordenada dos órgãos de segurança e de fiscalização atuantes nas fronteiras, e como foco, o fortalecimento da prevenção, do controle, da fiscalização e da repressão aos delitos transfronteiriços, como contrabando, descaminho, tráfico de drogas, armas e medicamentos, entre outros. Participam da Operação a Receita Federal, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Militar do Paraná – BPFRON, Força Nacional de Segurança – FNS e Foztrans – Instituto de Transportes e Trânsito de Foz do Iguaçu.