Analistas-Tributários da Receita Federal do Brasil (RFB) participaram da apreensão de grande quantidade de substância análoga à maconha na última sexta-feira (13). A apreensão ocorreu durante fiscalizações de rotina no âmbito da Operação Muralha na Aduana da Ponte Internacional da Amizade, em Foz do Iguaçu/PR, em ação conjunta com policiais do BPFron e da Força Nacional.

Por volta das 12h, os servidores deram ordem de parada a uma van de placas paraguaias que trafegava em direção ao Brasil. O veículo estava ocupado apenas pelo condutor, um homem aparentando cerca de 35 anos, de nacionalidade paraguaia que, ao perceber que a vistoria ao veículo levaria à descoberta do entorpecente oculto, empreendeu fuga em direção ao Paraguai, não sendo possível aos agentes alcançá-lo.

Em vistoria minuciosa no veículo, foi constatada a presença de fundo falso localizado na parte inferior do veículo, abaixo do porta-malas, acondicionado dentro do compartimento, foram encontrados 112 quilos de maconhas prensadas em tabletes. O homem, a droga e o veículo foram encaminhados para a Delegacia da Polícia Federal em Foz do Iguaçu/PR para os procedimentos cabíveis.

A Operação Fronteira Integrada está inserida no âmbito do Programa de Proteção Integrada de Fronteiras (PPIF), instituído pelo Decreto nº 8.903/2016, tem como diretrizes a atuação integrada e coordenada dos órgãos de segurança e de fiscalização atuantes nas fronteiras, e como foco, o fortalecimento da prevenção, do controle, da fiscalização e da repressão aos delitos transfronteiriços, como contrabando, descaminho, tráfico de drogas, armas e medicamentos, entre outros. Participam da Operação a Receita Federal, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Militar do Paraná – BPFRON, Força Nacional de Segurança – FNSP e Foztrans – Instituto de Transportes e Trânsito de Foz do Iguaçu.