Analistas-Tributários de todo país foram premiados por seu profissionalismo e zelo no desempenho de suas funções na Receita Federal do Brasil. A cerimônia de entrega da premiação foi realizada na sexta-feira à noite (22), na Escola de Administração Fazendária (ESAF) em Brasília e integrou os eventos em comemoração aos 51 anos da instituição completados na semana passada (20/11). O presidente do Sindireceita, Geraldo Seixas, e o diretor de Assuntos Jurídicos, Thales Freitas, representaram o Sindireceita no evento.

Neste ano, foram condecorados os vencedores da 10ª edição do prêmio Histórias de Trabalho da Receita Federal, da 18ª edição do Prêmio de Criatividade e Inovação da Receita Federal, além da entrega da medalha Noé Winkler, e do prêmio Destaque na Educação e Comunicação para a Ética na Receita Federal.

O secretário Especial da Receita Federal do Brasil, José Barroso Tostes Neto, destacou, em sua fala, durante o evento, que o objetivo da premiação é valorizar os servidores do órgão. “Eles são o elemento principal sobre o qual nossa instituição se alicerça. Os resultados que alcançamos nesses 51 anos se devem aos servidores que desempenham com tanto zelo suas funções, ” parabenizou José Barroso Tostes Neto.

Três Analistas-Tributários venceram o Concurso Histórias de Trabalho da Receita Federal do Brasil.  O diretor de Assuntos Aduaneiros do Sindireceita, Analista-Tributário da Alfândega/Porto de Manaus, Moisés Hoyos, foi um dos vencedores na modalidade prosa, com o trabalho “50 anos da Alfândega do Porto de Manaus – breves relatos”. Os Analistas-Tributários Gilberto de Paula da DERAT/São Paulo ficou em 1º lugar com o trabalho “É dessa maneira”, também na modalidade prosa, e Valdiléia Cunha foi premiada em 3º lugar na modalidade poesia, com trabalho intitulado “Agente Aduaneiro Especial”.

Segundo José Barroso Tostes Neto, as histórias de trabalho da RFB têm como objetivo premiar os registros da relação entre servidores e contribuintes, relatados pelos próprios servidores. As produções elaboradas pelos ATRFBs serão publicadas no livro Histórias de Trabalho da instituição, que reúne relatos de servidores ativos e inativos do Fisco nos formatos de prosa e poesia.

Além dos premiados, o secretário especial da Receita Federal do Brasil parabenizou os servidores da RFB de todo país e falou dos desafios que o órgão enfrentará e que exigirão o engajamento de todos os servidores do Fisco. “A sociedade vem passando por profundas mudanças, que, consequentemente, serão incorporadas ao nosso cotidiano de trabalho, causada principalmente pela economia digital, como a inteligência artificial, a virtualização dos serviços, a intensificação de análises de gestão de risco, e, com isso, o aperfeiçoamento de processos de trabalhos, ” ponderou José Barroso Tostes Neto.

O secretário destacou, ainda, que uma das mudanças que já é realidade é a reforma do sistema tributário, “que exigirá a participação de todos os atores neste processo, e, nós, da RFB, temos um papel decisivo nessa função, conto com todos vocês, ” afirmou José Barroso Tostes Neto.

O presidente do Sindireceita, Geraldo Seixas, destacou que o reconhecimento é justo, e que, além de valorizar, incentiva os servidores a prestarem ao órgão e à sociedade brasileira um trabalho de excelência, por meio de sua capacidade técnica, dedicação e competência.  “A premiação demonstra o exemplo que os Analistas-Tributários possuem e que honram toda a categoria. Nossos parabéns a todos e todas,” afirmou.

Veja aqui a lista de vencedores do concurso:

 

Medalha do Mérito Funcional Noé Winkler

Eduardo Pucci Hercos – da Cofis

Maria da Consolação Silva – da Cosit

Marco Antônio Borges de Siqueira – da Cotad

Ricardo Soares – da Comac

Gilvan Tavares dos Reis – da Cogep

Daniel Tavares Vale Alencar – da Ascom

Ivone Mendes Andrade – da Sutri

Maria Jussara da Silva Campos Gomes – da Suana

Sérgio Galvão Ferreira Garcia: Auditor – Fiscal da DRF/Palmas

Nilma Faria: Auditor – Fiscal da DRF/Brasília

Ana Maria Kaminski Rodrigues Pierdona: Analista – Tributária da Alfândega/ Mundo Novo

Fernanda de Souza Ribeiro Araújo: Analista – Tributária da DRF/Cuiabá

Michele Salomão Buzatto: Analista – Tributária da DRF/Cuiabá

Gilberto Yoshiharo Mori: Auditor – Fiscal da DRJ/Campo Grande

Nilma Barros e Silva Mota: Auditor – Fiscal da DRJ/Brasília

Diomarsi Gonçalves de Souza: Administrativo/ Serpro da DRJ/Brasília

 

18º Prêmio de Criatividade e Inovação da RFB

Ronald César Thompson, da Cotec; Arthur Diniz Macedo, da Cotec; Carlos Eduardo Bacellar Bon, da Cotec; Clóvis Belbute Peres, da Cocad; Danielle Carvalho Barbosa, da Cotec; Juliano Brito da Justa Neves, da Cotec; Marcelo de Melo Souza, da Espei/o5 E; Péricles Gomes Luz, da DRF/Sete Lagoas/MG; com o trabalho “Projeto b- CPF e b- CNPJ – Blockchain das bases cadastrais da RFB”.

Jorge Eduardo de Shoucair Jambeiro Filho, Auditor – Fiscal da DRF/Barueri.  “Gerência da expectativa de retorno do sonegador e simulação de estratégias fiscais”.

Marcos Paulo Pereira Milagres, da DRF/Juiz de Fora, com o trabalho “Projeto gestão equipes por processo de trabalho – gestão de Crédito Tributário”.

Elmo Zenóbio Júnior, da Coana/Brasília; Daniel Pinheiro Sobreira da Alfândega/Porto de Manaus; Ezequias Moreira Cunha Filho, da Alfândega/Porto de Vitória; Josemar Antônio de Souza, da Alfândega/Salvador; Juvêncio Sousa Ferreira, da Alfândega/Fortaleza; Rafaela Arjonas Ronchi, da DRF/Londrina; Vinícius Parucker da Silva, da Cofis/Brasília, com o trabalho “Despacho de importação sobre águas OEA”.

Ana Jandira Monteiro Soares da Corec/Brasília, com o trabalho “PER/DCOMP Web – do respeito ao contribuinte à melhoria do processo de trabalho”.

 

 10ª Edição do Concurso Histórias de Trabalho da RFB

Juimar Nunes Torres: agente administrativo da agencia da RFB em Coronel Fabriciano/MG. Na modalidade prosa, com o trabalho “Minha história de trabalho na Receita Federal do Brasil”.

Ana Emília Baracuhy Cavalcanti: Auditora – Fiscal da 4ª região fiscal, na modalidade poesia, com o trabalho “Homenagem à Receita Federal”.

Moisés Boaventura Hoyos: Analista – Tributário da Alfândega/Porto de Manaus na modalidade prosa, com o trabalho “50 anos da Alfândega do Porto de Manaus – breves relatos”.

Honorino José Gonçalves: Auditor – Fiscal da DRF/Joinville, na modalidade poesia, com o trabalho “Clima Organizacional”.

Gilberto de Paula: Analista – Tributário da DERAT/São Paulo, na modalidade prosa, com o trabalho “É dessa maneira”.

Cléber Marcelo Fernandes: Auditor – Fiscal da Alfândega/Porto de Santos, na modalidade poesia, com o trabalho “Leão marinho – bela, respeitada e do mar”.

Débora Brigido de Souza: Auditora – Fiscal da DRF/Belo Horizonte, na modalidade prosa, com o trabalho “Gato escaldado tem medo de água fria”.

Valdileia dos Reis Castro Cunha: Analista – Tributária da Alfândega do Aeroporto Internacional de Guarulhos/SP, na modalidade poesia, com o trabalho “Agente Aduaneiro Especial”.

Participações

Estiveram presentes na cerimônia de entrega dos prêmios, o Secretário Especial da Receita Federal do Brasil, José Barroso Tostes Neto; o Superintendente Regional da Receita Federal do Brasil na primeira Região Fiscal, Antônio Henrique Lindemberg Baltazar; o Gerente Executivo da Diretoria de Governo do Banco do Brasil, Emanoel Schmidt Rondon; o Diretor de Inovação e Gestão do conhecimento da Escola nacional de Administração Pública, Guilherme Alberto Almeida de Almeida.