Analistas-Tributários da Receita Federal do Brasil realizam neste mês de julho 3 dias de mobilização pela reestruturação salarial: 10, 17 e 24. O prazo final do governo para apresentação da proposta de reajuste dos servidores públicos – dia 31 de julho – está se esgotando e a mobilização visa alertar sobre a insatisfação quanto aos rumos da negociação salarial até o momento. Além de manifestações locais, os Analistas-Tributários estão se reunindo em Assembleia Geral Nacional Unificada (AGNU) e demonstram que estão mobilizados e dispostos a lutar pela almejada reestruturação salarial.

 Nesses dias a categoria irá avaliar, em AGNU, a possibilidade de endurecer as formas de luta no mês de agosto, caso o governo não avance na negociação salarial até o dia 31 de julho.

Os Analistas-Tributários da Receita Federal reivindicam a devida reestruturação remuneratória, pois hoje ocupam apenas a 107ª posição na lista salarial divulgada pelo Ministério do Planejamento (MPOG) referente aos cargos de analistas do Ciclo de Gestão do poder Executivo. Nos últimos quatro anos, a categoria não obteve sequer o reajuste equivalente ao índice da inflação.

Mobilização em Feira de Santana/BA

Analistas-Tributários de Feira de Santana/BA também se mobilizaram pela devida reestruturação salarial da categoria

 

Mobilização em Vitória da Conquista, Ilhéus e Itabuna/BA

 

Os Analistas-Tributários em Vitória da Conquista, Ilhéus e Itabuna, na Bahia, atendendo à orientação da DEN/CNRE/CMN, fizeram manifestação nos dias 26 e 30 de julho, respectivamente.

 

A categoria manterá o estado de mobilização

 

Mobilização em Recife

DS Recife mobiliza seus filiados para o 3º Dia Nacional de Luta Pela Reestruturação Salarial
 Atendendo à convocação da Presidente do Sindireceita Silvia Alencar Felismino, os Analistas-Tributários vinculados à Delegacia Sindical de Recife, participaram no dia 30 de julho (segunda-feita) do 3º Dia Nacional de Mobilização pela Reestruturação Salarial, no sentido de alertar o governo federal da insatisfação da categoria quanto aos rumos da negociação salarial. A categoria votou favoravelmente ao indicativo apresentado pela Diretoria Executiva Nacional (DEN) e pelo Comando de Mobilização Nacional (CMN).  

Mobilização em João Pessoa/PB 

Há quatro anos sem reajustes, os Analistas-Tributários na Paraíba, em João Pessoa, mobilizaram-se no dia 27 de julho pela justa reestruturação salarial

Mobilização em Campina Grande/PB

Na Paraíba, em Campina Grande, os Analistas-Tributários mobilizaram-se no dia 27 de julho pela justa reestruturação salarial

Mobilização em Belo Horizonte

Analistas-Tributários de Belo Horizonte realizaram, no dia 24 de julho, mais um Ato Público pela justa reestruturação salarial

 

Mobilização em Campo Grande/MS

Em Campo Grande/MS a categoria também permanece mobilizada

 

Mobilização em Belém/PA

O 3º Dia Nacional de Luta Pela Reestruturação Salarial em Belém mais uma vem contou com a presença maciça da categoria, com realização de AGNU e Assembleia Local, onde foram escolhidos os delegados que participarão do AGN em Natal. O indicativo proposto pelo Comando de Mobilização Nacional foi aprovado por unanimidade. Em uma forma de luta diferenciada vários Analistas-Tributários de Belém aceitaram doar sangue ao Centro de Hematologia e Hemoterapia do Pará – Hemopa, com data a ser agendada junto ao órgão e com os colegas que se propuseram a esse grande gesto de solidariedade para com os que necessitam de sangue e para com toda a categoria.

Analistas-Tributários de Belém mobilizados pela justa reestruturação salarial da categoria

 

Mobilização em Maringá/PR

Em Maringá/PR, os Analistas mobilizaram-se, no dia 17 de julho, pela justa reestruturação salarial da categoria que há quatro anos está sem reajustes

 

Mobilização em Araraquara/SP

Analistas de Araraquara mobilizados na terça-feira, dia 17 de julho, pela reestruturação salarial da categoria

 

Mobilização em Ribeirão Preto/SP

Analistas-Tributários de Ribeirão realizaram na terça-feira, dia 17 de julho, mais uma AGNU para discutir as questões relativas à Campanha Salarial de 2012

 

Mobilização em Divinópolis/MG

Em Divinópolis/MG, os Analistas-Tributários realizaram nova mobilização na terça-feira, dia 17 de julho, mostrando que estão mobilizados e unidos pela devida reestruturação salarial

 

Mobilização em Londrina/PR

Analistas de Londrina reclamam que a categoria está há quatro anos sem reajustes

Em Londrina/PR, no dia 10 de julho, apesar de vários Analistas-Tributários estarem de férias, a mobilização contou com quase 100% dos presentes na DRF. Foi concedida entrevista sobre as reivindicações da categoria à TV Tarobá/Band.

Mobilização em Florianópolis/SC

Em Florianópolis a categoria também permanece mobilizada

Novamente, vários colegas participaram da mobilização em frente ao prédio da Delegacia da Receita Federal em Florianópolis/SC, na terça-feira (10). Os Analistas-Tributários manifestaram forte indignação em relação ao atual governo quanto aos rumos da reestruturação salarial.

Mobilização em Ponta Grossa/PR

Analistas de Ponta Grossa vestem camisas pretas no dia de mobilização (10 de julho) pela campanha salarial

Analistas-Tributários de Ponta Grossa permanecem unidos e mobilizados pela devida reestruturação salarial da categoria.

Mobilização em Vitória/ES

Em Vitória, a categoria se mostra insatisfeita, porém com muita disposição para luta no intuito de tirar do governo uma proposta de reajustamento salarial

Na terça-feira, dia 10 de julho, 31 Analistas-Tributários filiados ao Sindireceita no Espírito Santo compareceram ao saguão do Ministério da Fazenda em Vitória para mais um dia de protesto e manifestação.

O delegado sindical Bruno Zampieri apresentou os informes da última reunião do Comando de Mobilização Nacional e respondeu a vários questionamentos da categoria, ficando muito evidente a total insatisfação dos Analistas-Tributários com a falta de definição do governo quanto a reestruturação salarial.

A categoria se mostra insatisfeita, porém com muita disposição para luta no intuito de tirar do governo uma proposta de reajustamento salarial. “Não é possível deixar os servidores numa indefinição contínua, com este desconforto sem perspectiva de melhoria salarial”, bradou um dos presentes.

Foi feita a leitura e discussão do indicativo proposto com aprovação unanime.

Mobilização em Blumenau/SC

A mobilização contou com participação expressiva dos ATRFB de Blumenau/SC

A Seção Sindical de Blumenau – SC realizou, na terça-feira (10), seu terceiro dia de Mobilização Nacional pela Reestruturação Salarial. No período da manhã, os ATRFB ficaram reunidos no prédio sede discutindo temas de interesse da categoria. No período da tarde foi realizada assembleia com aprovação unânime do indicativo proposto pela Diretoria Executiva Nacional e pelo Comando Nacional de Mobilização.

Mobilização em Goiânia/GO

Analistas-Tributários de Goiânia demonstram que estão unidos em mobilização pela devida reestruturação salarial

Em Goiânia/GO,  a manifestação ocorreu novamente em frente à Delegacia da Receita Federal. A mobilização foi prestigiada pelo representante do Sindicato dos Policiais Federais em Goiás, Odair Ferreira, que levou uma faixa de apoio ao movimento da categoria. Durante a realização da AGNU, foram eleitos os delegados e suplentes para a XIII AGN. A assembleia foi presidida pelo colega Agenor e secretariada pelo colega João Caputo.

 Mobilização em Divinópolis/MG

Em Divinópolis, no dia 10 de julho, os Analistas-Tributários esclareceram a população que a categoria só não aderiu a greve em respeito ao cidadão

 

Mobilização em São Luís/MA

Os Analistas-Tributários de São Luís, reunidos no dia 10 de julho, mostraram que permanecem mobilizados no 3º Dia de Luta pela Reestruturação Salarial

 

Mobilização em Paranaguá/PR

Analistas-Tributários de Paranaguá reunidos em AGNU na terça-feira, dia 10 de julho

 

Mobilização em Uberlândia/MG

A prioridade em Uberlândia é a reestruturação salarial que encontra-se defasada em relação a outras categorias de Analistas do Serviço Público

Em Uberlândia/MG, foi realizado o 3º Dia Nacional de Luta pela Reestruturação Salarial da categoria dos Analistas-Tributários na terça feira, dia 10 de julho. Os Analistas da região também estiveram reunidos em Assembleia Geral Nacional Unificada (AGNU) para discussões a respeito da mobilização.

Na oportunidade, os Analistas-Tributários reuniram-se com o delegado da Receita Federal de Uberlândia/MG, Nilson Alves Pontes Junior, para entregar a Cartilha Salarial da categoria.

Mobilização em Rio Grande/RS

Os Analistas-Tributários lotados na Alfândega da Receita Federal no Porto do Rio Grande/RS realizaram o “3º Dia Nacional de Luta pela Reestruturação Salarial” na terça-feira, dia 10 de julho. Na ocasião, os servidores paralisaram suas atividades pela manhã e reuniram-se em Assembleia Geral Nacional Unificada (AGNU) no saguão do prédio da Receita Federal.

Segundo o delegado do sindical de Rio Grande/RS e diretor de Assuntos Previdenciários do Sindireceita, Hugo Braga, a realização das manifestações se dá em virtude da falta de uma proposta concreta por parte do Governo Federal e que caso essa postura cristalizada continue a categoria entrará em greve. “Estamos dizendo ao Governo que não radicalizamos porque ainda existem negociações e o prazo de 31 de julho para que ele nos faça uma proposta concreta. Do contrário, a partir de agosto poderemos entrar em greve por tempo indeterminado”, explicou.

A mobilização também foi divulgada no Jornal Agora do Rio Grande/RS.

Mobilização em Uruguaiana/RS

Os Analistas-Tributários de Uruguaiana mostraram-se coesos na luta pela justa reestruturação salarial e em prol do meio ambiente

Na tarde do dia 10 de julho, na fronteira do Brasil com a Argentina, os Analistas-Tributários lotados na DRF Uruguaiana/RS reuniram-se para limpeza das margens do rio Uruguai em prol da valorização da carreira e também do Meio Ambiente. O servidores da região fizeram do “3º Dia Nacional de Luta pela Reestruturação Salarial” um instrumento em benefício de toda sociedade.

Analistas-Tributários reuniram-se para limpeza das margens do rio Uruguai

O movimento, que contou com o apoio do grupo “Ação pelo Rio Uruguai”, resultou na retirada de uma grande quantidade de lixo do local.

O movimento também repercutiu na mídia local, gerando notícias no jornal “RBS Notícias”.

Veja aqui a matéria

Mobilização em São Paulo/SP

Os Analistas-Tributários acreditam que já passou da hora do governo apresentar uma proposta de reestruturação salarial

A mobilização em São Paulo/SP, no “3º Dia Nacional de Luta pela Reestruturação Salarial”, foi realizada em frente ao prédio do Ministério da Fazenda onde, posteriormente, os Analistas-Tributários estiveram reunidos em Assembleia Geral Nacional Unificada (AGNU) e Assembleia Local.

Reunidos em Assembleias, a categoria em São Paulo/SP mobilizou-se com força e coesão neste “3º Dia Nacional de Luta pela Reestruturação Salarial”

Apesar de ser um mês onde muitos colegas estão em férias, compareceram 168 Analistas-Tributários que, na ocasião, reafirmaram a disposição em lutar pela justa reestruturação salarial da categoria.

Mobilização em Novo Hamburgo/RS

Em Novo Hamburgo/RS, a mobilização demonstrou maturidade da categoria, além da união e da disposição para a luta

 

 Mobilização no Rio de Janeiro/RJ

 

Analistas do Rio de Janeiro e região também se mobilizaram pela justa remuneração da categoria

O “3º Dia Nacional de Luta pela Reestruturação Salarial” no Estado do Rio de Janeiro foi realizado, no dia 10/07, em frente ao Ministério da Fazenda/RJ com faixas e coletes pretos. Os Analistas-Tributários das Delegacias Sindicais do Galeão, Porto do Rio de Janeiro, Niterói, Nova Iguaçu, Rio de Janeiro e Teresópolis compareceram ao Ato Público demonstrando a sua indignação pela  falta de apresentação do Governo Federal de uma proposta que corrija a histórica e injusta distorção em que coloca a remuneração da categoria em 107º colocação entre os cargos de Analistas de nível superior do Poder Executivo.

Mobilização em Santo André/SP e São Bernardo do Campo/SP

Analistas-Tributários de Santo André e São Bernardo do Campo também se mobilizaram na terça-feira (10) pela devida reestruturação salarial da categoria