Temos controlado e agido quando precisa. Em 2011, com essas condições, a inflação não escapará do controle. Pode bater o limite da meta (6,5%), mas não fugirá do controle, disse o ministro da Fazenda, Guido Mantega, durante audiência na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado. Segundo ele, o governo tem conseguido conciliar o crescimento da economia com inflação mais baixa. De acordo com Mantega, o governo está atento e empenhado em combater a inflação, mas não pode derrubar o crescimento. Ele destacou que o importante é fazer os ajustes com equilíbrio. Se for para derrubar o crescimento, qualquer um faz. A arte da coisa é fazer com equilíbrio. Temos condições e estamos tomando as medidas certas. Esta sintonia fina não é fácil.”