Faleceu na última sexta-feira, dia 19, aos 86 anos de idade, o Analista-Tributário aposentado Francisco Ferreira da Silva, com suspeita de Covid-19.

Chiquinho, como era chamado, ingressou na Receita Federal em Porto Velho no dia 1º/08/1977, época da criação da Agência da Receita Federal na cidade, oriundo da agência dos Correios. Em 1984, assumiu como Técnico de Atividade Tributária-TAT, quando do concurso interno para o cargo e, mais tarde, como Analista-Tributário com as mudanças da nomenclatura do cargo.

O falecido estava aposentado desde 28/02/1992, era uma pessoa humilde, cooperadora e querida entre os colegas de trabalho, os quais visitava até quando a idade e a saúde permitiram. Os colegas em Rondônia lamentaram a partida de Chiquinho, que deixa muitas saudades.

Chiquinho era viúvo e deixou nove filhos, vinte e sete netos, trinta bisnetos e 6 tataranetos.