Fonte: noticiaspoliciais.com.br

Foi realizada na manhã desta quinta-feira (29/03), uma mobilização no Trevo Cataratas em Cascavel/PR. A reivindicação fica por conta de melhorias nas fronteiras. Em reunião na última sexta entre os representantes sindicais da Polícia Federal, da Polícia Rodoviária Federal e da Receita federal, ficou definido a adoção do método de Operação Padrão nos moldes (com algumas adequações) da qual foi realizada em novembro de 2011, ou seja, de abordagens minuciosas dos veículos que trafegam por aquele Trevo, com a distribuição de panfletos produzidos padronizados pelas três instituições em âmbito nacional.

O Dia Nacional de Mobilização em Defesa das Fronteiras do País é promovido pela Federação Nacional dos Policiais Federais (Fenapef), Sindicato Nacional dos Analistas-Tributários da Receita Federal do Brasil (Sindireceita) e Federação Nacional dos Policiais Rodoviários Federais (FenaPRF).

Com o tema “Fronteira Protegida, Brasil Seguro”, o dia de mobilização servirá para alertar a sociedade para os graves problemas que os servidores enfrentam atualmente nas áreas fronteiriças. “Pretendemos levar ao conhecimento da população a falta de estrutura que estas instituições têm à disposição nas zonas inóspitas e de difícil provimento”, diz o diretor de Estratégia Sindical da Fenapef, Paulo Paes. As entidades também irão reivindicar a imediata implantação do “adicional de fronteiras” para aqueles que trabalham nesses locais.

PROTESTO…

As entidades destacaram, de forma conjunta, a necessidade de imediata implantação de um adicional remuneratório único para todos os servidores. Além disso, as entidades lutam para que a indenização abranja servidores de áreas de difícil provimento como é o caso da região norte.