Analistas-Tributários de todo o País estiveram reunidos, nos dias 28 e 29, em Assembleia Geral Nacional Unificada (AGNU), e rejeitaram, com 83,16% dos votos, o acordo salarial (reajuste de 27,9% em quatro anos) apresentado pelo Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG), discriminado no Indicativo 1.

A DEN continuará negociando com o Ministério do Planejamento para que seja apresentada uma proposta satisfatória que reconheça o valor dos Analistas-Tributários. A DEN ressalta ainda que os termos acertados na última reunião de negociação não foram cumpridos pelo MPOG e não houve envio da minuta de acordo, conforme prometido.

O Indicativo 2, por sua vez, obteve 84,97% dos votos favoráveis para suspensão temporária das mobilizações semanais “Dia Nacional do Sim”.

A Diretoria Executiva Nacional (DEN) do Sindireceita agradece a todos os filiados que compareceram a AGNU e participaram da votação. A mobilização de todos os Analistas-Tributários é essencial para consolidarmos as nossas lutas e conquistarmos a vitória desejada por todos.

O resultado da AGNU está disponível na área restrita do site. Clique aqui e acesse.