Analistas-Tributários da Receita Federal do Brasil (RFB), reunidos em Assembleia Geral Nacional Unificada (AGNU), realizada de 5 a 7 de junho, aprovaram, por ampla maioria, a suspensão da greve nacional da categoria. Os servidores do cargo também deliberaram pela manutenção do Regime Permanente de AGNU, em virtude da permanência do descumprimento do acordo salarial dos Analistas-Tributários. Clique aqui para conferir o resultado da AGNU na Área Restrita do site.

A Diretoria Executiva Nacional (DEN) do Sindireceita reforça que, mesmo diante da suspensão da greve nacional, os Analistas-Tributários devem permanecer atentos e engajados nas assembleias realizadas em seus estados. Seguiremos atuando em prol da regulamentação do Bônus de Eficiência e Produtividade, um direito dos servidores da Carreira Tributária e Aduaneira da RFB e importante instrumento amparado no cumprimento de metas da Administração Tributária e Aduaneira.

Nos próximos dias, a Diretoria Executiva Nacional do Sindireceita intensificará, em conjunto com as delegacias sindicais e as bases, um conjunto de ações visando a regulamentação do Bônus de Eficiência por meio de decreto.

Diante do atual cenário de instabilidade política, a Diretoria do Sindireceita ressalta ainda que a categoria pode ser convocada a participar de novas mobilizações futuramente.

 

Diretoria Executiva Nacional
Sindireceita