A Diretoria Executiva Nacional (DEN) do Sindireceita apresentou nessa terça-feira, dia 20, as sugestões referentes à análise dos últimos 12 processos de trabalho do Mapeamento, apresentados pela Receita Federal no dia 6 de outubro. As críticas entregues pelo Sindireceita foram compiladas a partir das sugestões encaminhadas por Analistas-Tributários filiados em todo o País.

Apesar da entrega das críticas representar a conclusão do ciclo de reuniões de apresentação programado pela Receita Federal, até o momento a administração do órgão não apresentou o cronograma para continuidade do atual trabalho, o que na concepção da DEN, acarreta prejuízos na finalização da vinculação das atribuições aos cargos nos processos definidos na Portaria da RFB nº 535/2015.

O Sindireceita cobra também o posicionamento da Receita Federal sobre as próximas etapas do mapeamento de processo de Trabalho e análise de atribuições do órgão referente aos próximos processos que já estão sendo mapeados.

O diretor de Formação Sindical e Relações InterSindicais, Odair Ambrosio, destacou que a definição dos dois cronogramas de trabalho é fundamental para os Analistas-Tributários. “O Sindireceita continuará cobrando junto à administração da RFB a finalização desta etapa do trabalho de mapeamento”, completou.