A carta foi aprovada nesta quarta-feira, último dia da AGN

Os Analistas-Tributários da Receita Federal do Brasil que participaram da XIII AGN comemorativa dos 20 anos do Sindireceita, realizada em Natal/RN, no período de 31 de agosto a 5 de setembro, aprovaram uma carta com o sentimento da plenária acerca da “Campanha Salarial e suas Perspectivas”. O manifesto obteve 128 votos favoráveis, nenhum contrário e três abstenções. Confira abaixo o conteúdo da carta à categoria:

MANIFESTO DOS DELEGADOS DA XIII AGN ACERCA DA CAMPANHA SALARIAL E SUAS PERSPECTIVAS

Os Delegados da XIII Assembleia Geral Nacional do Sindireceita, ocorrida em Natal-RN, entre os dias 31 de agosto e 05 de setembro de 2012, dirigem-se aos Analistas- Tributários da RFB, com o intuito de reafirmar a posição da categoria acerca da campanha salarial em curso e suas perspectivas.

Os Analistas-Tributários optaram, desde a reunião do CNRE realizada em dezembro de 2011, por implementar a campanha salarial com foco na luta pela reestruturação salarial. Esta opção foi objeto de decisão em AGNU, realizada nos dias 9, 10 e 11 de abril de 2012.

A categoria construiu, nos últimos meses, sua mobilização em torno da luta pela reestruturação salarial que almeja conquistar mediante o alinhamento com os cargos análogos na estrutura administrativa do Poder Executivo Federal.

O governo federal, por sua vez, optou por oferecer uma proposta que, além de não repor as perdas do último período, não atendeu o centro de nossas aspirações. A categoria dos Analistas-Tributários avaliou as circunstâncias da atual conjuntura e rejeitou o índice de 15,8%, constante da proposta oferecida pelo Governo.

Após incessantes debates, avaliações e análises apresentadas, os Delegados da XIII AGN tiveram oportunidade de vislumbrar o cenário nacional e a conjuntura atual e seu dinamismo, decidindo por retomar às mobilizações com as seguintes diretrizes: “O eixo de luta pela campanha salarial será a reestruturação, visando o alinhamento remuneratório com os cargos análogos do Ciclo de Gestão” e colocar as atribuições dos Analistas- Tributários em pauta nesse processo. Avaliando que avanços no campo das atribuições podem e devem ser buscados em todas as oportunidades em que a defesa do cargo esteja em discussão.

Questões que interessam diretamente ao Analista-Tributário como Loff e Separação da Aduana, foram igualmente debatidas e objeto de decisões que nos levarão a ter um trabalho mais efetivo nesses temas.

Os delegados da XIII AGN dirigem-se, portanto, aos Analistas-Tributários para reafirmar nossas bandeiras de reconhecimento do cargo, tendo como principais eixos de sustentação a definição de atribuições e a reestruturação salarial da categoria.

Por isso, a XIII AGN, aprovou a continuidade das negociações com o governo, que terá êxito na razão direta da participação na mobilização consciente e serena da categoria. Além disso, foi reforçado o papel e a estrutura do Comando de Mobilização Nacional, que terá a responsabilidade de fortalecer a negociação salarial conduzida pela Diretoria Executiva Nacional.

Parabéns Analistas-Tributários da RFB pelos 20 anos do SINDIRECEITA!

Sigamos unidos e fortes em busca do reconhecimento e até a vitória!

Natal – RN